Defesa Civil Municipal alerta a população quanto aos cuidados com a chegada do período de estiagem.


Data: Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019
Autor: Ana Julia Zorze

Foto Por: Divulgação Internet

Devido a esse longo período sem chuvas no Município é preciso que a população redobre os cuidados com o fogo, pois esta é uma época onde os materiais estão extremamente secos, o calor é muito intenso e a umidade do ar vem atingindo níveis menores de que 20%.Com todos esses fatores a possibilidade de um incêndio é muito grande, principalmente se houver a colaboração humana, por isso é de conhecimento geral que todos tomem certas precauções para evitar incidentes.

 

-Manter seus terrenos limpos

-Não atear fogo em lixo, galhos, folhas e entulhos em quintais.

-Não jogar bituca de cigarro em vias urbanas e rodovias.

-Não descarte recipientes de vidro em terrenos baldios, eles podem provocar princípio de incêndio.

-Não deixar panelas com fogão aceso e sair da residência.

 

  As Queimadas provocam o aumento da liberação de dióxido de carbono, uma das principais causas do aquecimento global é inegável que as Queimadas são nocivas para o meio ambiente em uma situação macro, em que todas as espécies de seres vivos são prejudicadas.

 Fazer uma queimada sem controle pode causar vários prejuízos à fauna e flora, reduzindo a cobertura vegetal, diminuindo a fertilidade do solo e comprometendo a qualidade do ar e, consequentemente, a saúde humana, provocando vários tipos de doenças, principalmente respiratórias.

Além do risco que as Queimadas causam ao ser humano, o artigo 250 do código Penal classifica como crime o ato de "causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem". A pena que é de três a seis anos de reclusão e multa, pode ser aumentada em um terço se o incêndio ocorrer em lavoura, pastagem, mata ou floresta.

 

Em caso de emergência ligar:

 

Defesa Civil Municipal – 9 99929979

 

Corpo de Bombeiros- 3382 3535